Os 47 melhores GIFs de cachorro de 2013
O post faz parte da blogagem coletiva do Rotaroots, mas antes falarei um pouco sobre os meus filhotes lindos!

Amo muito bicho. E minha casa sempre foi cheia de animais de estimação: gato, cachorro, coelho e até ratinhos brancos. Já sofri muito com bichinho meu que morreu envenenado, por pura maldade de vizinho. Me apego demais a eles, são uma fonte inesgotável de amor. Hoje em dia moram comigo e minha família o Snoopy, o Pig e a Korra. Os cachorros adoram uma bagunça e sempre estão fazendo muito barulho. Todo santo dia eles saem pra dar voltas pelo bairro. A gatinha, Korra, sai um pouco também mas preciso “segurá-la” um pouco em casa: ainda não foi castrada e além do mais ela ainda é muito pequena pra esse tipo de rolê.


Ganhei o Snoopy há uns 5 anos já. O Pig é do meu irmão mais novo; ele quis trazer a todo custo! A cachorra de um amigo tinha parido vários cachorrinhos e o Pig acabou vindo pra casa. A Korra foi doada por uma colega no Facebook, ainda bem pequenininha. Pena que a época de filhote passa rápido, eles são tão fofinhos. #mãecoruja #babona

Snoopy, meu bagunceiro! <3
Snoopy, meu bagunceiro! ❤
Pig, o anjinho <3
Pig, o anjinho ❤
Colo de mãe. <3
Colo de mãe. ❤

São todos vacinados e bem cuidados. Muita gente estranha ver os cachorros saindo correndo ao abrir o portão, como se nunca tivessem saído pra rua na vida, e depois ver os dois bonitos na calçada, esperando pacientemente alguém deixá-los entrar.

O Snoopy já foi atropelado e ficou sem andar por 1 semana! Uma moto passou por cima do quadril dele e levei correndo no veterinário assim que percebi que ele não tinha andado, nem comido por quase 48 horas. Fiquei desesperada. Ao levar na veterinária, ela disse coisas horríveis (mas reais): se não cuidasse do cachorro, ele poderia nunca mais andar, e então era melhor sacrificar. Nossa, nunca que eu optaria por sacrificar tendo como tratar! Ele tomou uma injeção para a dor e teve que tomar medicação em casa. Gastei uma grana em remédios: um suplemento pra 2 meses, cálcio infantil e benflogin. Snoopy é tão terrível que melhorou BEM antes do esperado: depois de uma semana sem andar, ele tava lá, correndo feito louco. Minha mãe me ajudou muito a dar os remédios e tudo valeu a pena. Só de pensar no pior me dá um nó na garganta.

Ahhh é muito amor mesmo, viu?
Ahhh é muito amor mesmo, viu?

Estou falando isso porque infelizmente nem todo mundo é assim. Ao adotar um bichinho, você precisa ter noção que será sua responsabilidade dar comida, um lugar confortável para dormir, não deixa-lo adoecer e caso isso ocorra, tratar de suas enfermidades. Enfim, você será responsável por cuidar da vida dele. Não consigo entender como as pessoas jogam seus animais de estimação na rua, ou por terem envelhecido, ou por doença. Pra mim, é maldade mesmo, não tem outra palavra. Abandonar um amigo dessa forma é covardia. Por isso, esteja sempre ciente e se for adotar, que seja com carinho e responsabilidade.

Como fazer mal pra uma coisinha dessas, me diz? ❤

Enfim, cuide bem dos bichinhos – que moram com você ou não! Sei que nem todo mundo pode sair adotando por aí, mas existem outras formas de colaborar: dê água/comida para um animal de rua, procure ajudar ONGs comprometidas com os animais, não deixe ninguém maltratar um animal, caso ocorra, chame a polícia! Além de ser crime, é falta grave de caráter.

ABRAÇANDO PATINHAS – A CAMPANHA

Em outubro, precisamente no dia 4, comemora-se o Dia Mundial do Animal – e do médico veterinário! Pensando nisso, surgiu a ideia de promover uma blogagem coletiva para arrecadar doações e assim ajudar os bichinhos.
A Max – Total Alimentos está com um programa chamado Max em Ação e está doando 1 tonelada de ração para a ABEAC (Associação Bem Estar Animal Amigos da Célia), ONG responsável pelo bem estar e cuidado de 1100 animais lindos! E a sua doação é muito importante para os bichinhos!
A cada doação realizada, a Max entrega 50% a mais de produto do que a quantidade adquirida. Ou seja, se você doar 10kg, a Max vai completar com mais 5kg, e em apenas uma doação, a ONG receberá 15kg de ração! O valor mínimo para doar cabe em todos os bolsos: a partir de 6,04 dilmas. Vamos ajudar!

PARTICIPE!

ABEAC no Facebook
Link para doar AQUI.


“Esta blogagem coletiva faz parte do projeto Abraçando Patinhas, uma iniciativa do Rotaroots em parceria com a marca de ração Max – da fabricante Total Alimentos (http://www.maxtotalalimentos.com.br/). Esta iniciativa reverterá na doação de 1 tonelada de ração para a ABEAC (http://www.abeac.org.br/), ONG responsável pelo bem estar de cerca de 1100 cães. Saiba mais sobre o projeto no site do Abraçando Patinhas (http://rotaroots.blog.br/abracandopatinhas/) ou participando do grupo do Rotaroots no Facebook (https://www.facebook.com/groups/rotarootsblogs/).”

Anúncios