Busca

Wendy's Stuff

This is my spot.

Tag

óleo de rícino

3 tratamentos naturais para crescimento dos cílios!

Não fico sem rímel, adoro cílios grandes, de boneca mesmo. Ainda mais depois que eu queimei um pouco os meus – longa história, haha. Continuam grandes, mas mesmo assim não largo o rímel. Só que é bem melhor ter cílios naturalmente longos, certo? Eu prefiro! Sou muito mais a beleza natural em alguns momentos, mas não dispenso maquiagem não. Encontrei essas receitas ótimas para o crescimento dos cílios, recomendo muito! Os ingredientes são naturais e fáceis de encontrar.

O resultado não é imediato, demora semanas ou até meses – dependendo do que você quer. E não esqueça de ir ao dermatologista se notar alguma alergia.

 

cilios


Condicionador de cílios com óleo de rícino

Óleo de rícino
Extrato de baunilha
Pincel de rímel descartável

Se você quiser usar um pincel de uma máscara que você não usa mais, certifique-se de desinfetá-las antes de usar. Não se esqueça de limpar o pincel a cada utilização.

Como preparar:

Utilize uma “tampinha” de baunilha para três de óleo de rícino e misture em um recipiente. Mergulhe o pincel de rímel na mistura e aplique nos cílios das raízes até as pontas, duas vezes no superiores e inferiores. Use sempre o condicionador nos cílios limpos.


Condicionador de cílios com vitamina E

Vitamina E em ampola, parece um óleo (tem de vidro e de plástico, eu uso a de vidro)
Cotonete

Certifique-se de não encostar os dedos no óleo. Umedeça o cotonete e passe nos cílios limpos desde a raiz, até as pontas em ambos os lados, duas vezes ao dia. Geralmente, antes da maquiagem ao acordar, e à noite antes de dormir.


Condicionador de cílios com óleo de coco

3 colheres de sopa de azeite extra virgem
3 colheres de sopa de óleo de coco
3 ampolas de vidro de Vitamina E
Pincel de rímel descartável ou cotonete

Misture os três ingredientes em um recipiente limpo. Mergulhe o pincel ou cotonete, aplique da raiz às pontas dos cílios, duas vezes por dia. Não esqueça de usar sempre nos cílios limpos!


Quem sabe tratando direito dos meus cílios eu largo a máscara. Espero que gostem.

Umectação!

umectt
É um procedimento que ajuda a combater o ressecamento e consegue reparar pontas duplas, além de fornecer brilho e maciez aos cabelos. Apesar de todos os benefícios citados, o principal é fornecer umidade natural aos fios. Pode ser feito nas fases H e N do Cronograma Capilar, e deve ser lavado normalmente. A umectação só pode ser feita com ÓLEO 100% VEGETAL, o mais usado é o de rícino e coco, assim como o azeite de oliva. Vou tentar explicar tudo sobre ela nesse post, por isso pode ficar um pouco grande.

Antes de começar: NÃO use produtos que tenham em sua composição óleo mineral (mineral oil), parafina líquida (paraffinum liquidim) ou vaselina (petrolatum). São substancias que encapam os fios e farão com que nenhum nutriente penetre neles! Não compre nenhum óleo que tenha algum desses na composição, será um gasto em vão!

umectação
Como fazer?

O ideal é no cabelo limpo e seco, no comprimento e pontas. Massageie até que parte do óleo seja absorvido. Durma com ele no cabelo e lave normalmente no dia seguinte ao acordar. Se o seu tempo for curto e você não quiser usar ao dormir: no cabelo limpo, passe no comprimento e nas pontas, aguarde entre 1 e 3 horas e lave normalmente. E se o seu cabelo estiver sujo e mesmo assim você quiser fazer, não tem problema. O efeito é menor, mas também ajuda.

umect

  • Dicas:- Quem tem cabelo loiro: dê preferência aos óleos transparentes, óleos “coloridos” podem pigmentar o cabelo, deixando-o muito alaranjado ou amarelado.
    – Faça uma massagem na raiz com óleo de rícino, se quiser potencializar o crescimento.
    Quem tem raiz oleosa também pode passar na raiz. No enxágue, é só lavar mais de uma vez.
    – Procure deixar o cabelo secar naturalmente, o óleo está nos fios ainda e por isso pode fritar o cabelo. Se for usar o secador ou chapinha, passe o protetor térmico de sua preferência nos cabelos úmidos. Não pode ser muito molhado e nem seco, tem que ser úmido.
    – E nunca, nunca esqueça: APENAS ÓLEOS NATURAIS. Isso é realmente muito importante.

É bem simples! E os resultados são quase que imediatos. Gosto muito do azeite, argan e ojon. Estou esperando o óleo de coco e aí farei uma resenha.

Beijos.

Misturas caseiras para o cabelo que funcionam

Como eu não sossego com cor de cabelo, consegui estragar o meu e comecei a ficar mais atenta com cuidados, já que eu usava só shampoo e condicionador, finalizador e quase nunca fazia hidratação. Só que quando comecei a clarear para um vermelho mais vivo, não tinha como a estrutura capilar aguentar tanta agressão (descolorante acaba com o cabelo, ainda mais quando se usa oxigenada de 40 volumes). Aprendi na marra que não se deve usar qualquer pó descolorante e na próxima vez, vou ter mais cuidado. Apelei para a internet e encontrei algumas receitas que eu usei e realmente fizeram diferença.


Hidratação com babosa

Planta originada na África, nada mais é o nome popular para Aloe vera. Ela tem capacidade de reidratar o tecido capilar e fechar a cutícula dos cabelos. A utilizada nos fios é aquela com a folha maior e mais grossa, a babosa fina é utilizada para fins medicinais. Quando era mais nova, minha mãe costumava comprar shampoo e condicionador com babosa. Acho que é por isso que meu cabelo nunca me deu trabalho antes de começar a pintar muito.

2 colheres de sopa da máscara de sua preferência
1 folha inteira de babosa

Abra a folha e retire todo o gel. Coloque no liquidificador e bata bem. Depois misture com o creme (faça com a quantidade de acordo com o tamanho do seu cabelo). Aplique mecha por mecha nos cabelos úmidos e limpos e aguarde 30 minutos com touca térmica. Enxágue com água fria. O resultado é cabelo sedoso, macio e alinhado.


Hidratação de glicerina

Assim como a babosa, o produto ajuda na retenção de líquido, fazendo com que os fios fiquem hidratados por mais tempo. É um produto bem baratinho, encontrado em farmácias.

1 colher de sopa de glicerina líquida
2 colheres de sopa da máscara de sua preferência

Lave bem os fios, faça a mistura e aplique-a no cabelo todo. A glicerina diminui o volume e só pode ser usada quando o clima estiver úmido e uma vez no mês (muita glicerina deixa o cabelo quebradiço). O resultado é instantâneo: cabelo brilhoso e macio.


Nutrição com azeite

Quem tem cabelo seco, pode usar sem medo pois o azeite ajuda muito a tirar aquele aspecto de palha. Só não deve-se usar a mistura na raiz.

2 colheres de sopa de máscara capilar
1 colher de sopa de azeite de oliva extra-virgem

Misture bem os dois ingredientes e aplique nos fios como de costume. Deixe agir por 30 minutos com touca e enxágue com água fria.



Umectação com óleo de rícino

A umectação serve para dar um jeito nas pontas duplas e no ressecamento dos fios. Quando feita, dá brilho e reduz o volume de cabelos rebeldes.
É importante ressaltar que só pode ser feita com óleos vegetais. Nada que contenha óleo mineral, parafina ou vaselina líquida. Em tempo: evite usar esses produtos, depois farei um post explicando melhor. Em rótulos, esse óleo com nome de Castor oil.

O óleo de rícino (ou óleo de mamona) é facilmente encontrado em farmácias e é um laxante. Tem consistência espessa e é um pouco difícil de aplicar, além de um cheiro peculiar. Massageie até que os fios tenham absorvido parte do óleo. Durma, retire com shampoo pela manhã e utilize condicionador normalmente no dia seguinte.


Essas são as misturinhas que deram certo para mim (e que tive coragem de fazer). Muita gente têm o mesmo resultado e é sempre satisfatório, vale a pena tentar.

*o blog não tem nenhum vínculo com as marcas citadas no post

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

Acima ↑